OS INDICADORES DE GESTÃO DA ÉTICA

A iniciativa com As Empresas mais Éticas do Brasil tem como base os Indicadores de Gestão da Ética, ou simplesmente IGE. Este indicadores foram idealizados pelo Instituto Brasileiro de Ética nos Negócios no início de 2012 e começaram a ganhar forma a partir de um “texto base”, elaborado pela Sra. Izilda Capeletto (ex-Diretora de Ética do Grupo AES Brasil) e pela Sra. Maria Cecília de Arruda (professora aposentada de Ética da Fundação Getúlio Vargas - FGV-SP).

Em seguida, foi criado um grupo de trabalho (GT), composto por alguns executivos (as) de grandes empresas, com a missão de “construir e divulgar indicadores para auxiliar as empresas na autoavaliação de seu estágio na Gestão da Ética, direcionando as ações para as melhores práticas de Ética nos Negócios”.

No final de 2013, após vários encontros, os IGE foram finalizados e lançados oficialmente em abril de 2014.Os Indicadores de Gestão da Ética servirão para que as empresas de qualquer porte e segmento de mercado possam fazer sua autoavaliação. Ao final do questionário, a empresa saberá em que estágio se encontra (básico, intermediário ou avançado) e a sugestão dos passos a serem dados para que possa galgar os degraus da Gestão da Ética.

Autoavaliação

A partir de agora você poderá fazer a autoavaliação da sua empresa respondendo o questionário dos Indicadores de Gestão da Ética. Serão 77 questões divididas em:

Tópico Total
I Estrutura do Programa e Supervisão 05
II Liderança & Recursos 04
III Padrões & Processos 07
IV Administração do Risco & Compliance 06
V Educação & Treinamento 12
VI Disciplina & Incentivos 10
VII Métricas & Monitoramento 18
VIII Outras Práticas 10
IX Identificação da Empresa* 05

* Os dados referente ao tópico IX (Identificação da Empresa) não são de preenchimento obrigatório. Apenas o campo “segmento de mercado” deverá ter a opção devidamente marcada.

Ao final do questionário dos Indicadores de Gestão da Ética será informado em qual estágio sua empresa se encontra:

BÁSICO INTERMEDIÁRIO AVANÇADO
A empresa utiliza muito pouco ou praticamente nenhuma ferramenta de gestão de ética.
A empresa já dispõe de algumas ferramentas de gestão de ética.

Parabêns. A auto-avaliação revela que a empresa tem um sistema avançado de gestão de ética.
Para atingir a meta de ter uma gestão da ética eficaz esta empresa deverá estabelecer um programa a ser implementado gradativamente.
Para atingir a meta de ter uma gestão da ética eficaz esta empresa deverá aperfeiçoar algumas ferramentas existentes e implantar algumas ferramentas novas.


A empresa atingiu a meta da gestão eficaz da ética.

Em seguida, os IGE apresentarão os passos que precisarão ser dados para que seja galgado os degraus da Gestão da Ética.

Conheça o Site dos IGE

Conheça o site dos Indicadores de Gestão da Ética. Acesse AQUI.